DICAS PARA NÃO PERDER O EQUILÍBRIO NA BIKE

Dominar a técnica do trackstand é muito útil não apenas para superar barreiras em trilhas no mountain bike, mas também nos momentos em que, andando na rua, precisamos parar em algum semáforo ou cruzamento antes de prosseguir. A manobra, que consiste em ficar parado em cima da bicicleta sem colocar os pés no chão, é a base do bike trial — modalidade do MTB na qual os competidores enfrentam obstáculos tanto naturais quanto artificiais.
Saber equilibrar-se e dominar a bike em momentos críticos, tanto nas trilhas como no asfalto, é um recurso imprescindível. Isso permite que o ciclista planeje o movimento com maior assertividade, sem precisar parar e colocar os pés no chão. Nas trilhas, é fundamental nos trechos de curva bem técnicos, e nas cidades pode ajudar a escapar das famosas fechadas no trânsito. Ah, você também pode se divertir com os amigos fazendo uma disputa para ver quem consegue ficar mais tempo parado sem colocar os pés no chão! 😄🚴‍♂


Para explicar a técnica de um bom trackstand, ninguém melhor que Marcio Ravelli, atleta que tem sua raiz no bike trial e já foi muitas vezes campeão brasileiro de MTB. Olha só👇

1º passo – Para facilitar a manobra, escolha primeiro uma subida leve e posicione-se como se fosse subi-la.


2º passo – Fique em pé na bike (para sua segurança, não encaixe a sapatilha no pedal, pois qualquer desequilíbrio pode derrubá-lo) e posicione seu pé de apoio na frente (com a pedivela na posição horizontal). Depois, vire o guidão para o mesmo lado do pé de apoio (foto).


3º passo – Já posicionado corretamente, você deverá controlar a bike segurando nos dois freios (utilize somente o dedo indicador para frear) e usando a força do pé de apoio para a frente, como se fosse começar a pedalar. Ao mesmo tempo, não deixe a bike se deslocar para a frente compensando com a força do pé que está atrás, como se fosse um balanço. Tente encontrar o equilíbrio em meio a esse jogo de forças. A utilização dos freios ajuda bastante para que você não vá nem muito para a frente nem muito para trás. 👍🙌 O que achou das dicas? Comenta aqui 👇🚴‍♂
Fonte: VO2 Bike / Ativo

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top